Atenção

Fechar

Banner
Biblioteca

Aços & Ligas | Aços e Ferros Fundidos | Ferros Fundidos de Grafita Compactada

3 - Aplicações

Pode-se resumir as vantagens da grafita compactada sobre a grafita lamelar (do ferro fundido cinzento) da seguinte maneira (331):

 

- maior resistência à tração para o mesmo carbono equivalente, o que reduz a necessidade de elementos de liga de custo elevado como níquel, cromo, cobre e molibdênio;

 

- relação mais alta resistência/fadiga;

 

- maiores ductilidade e tenacidade, o que resulta em margem superior de segurança para fratura;

 

- menor oxidação e dilatação a temperaturas elevadas.

 

Comparando com a grafita esferoidal (do ferro fundido dúctil), as vantagens da grafita compactada são as seguintes (328):

 

- coeficiente mais baixo de dilatação térmica;

 

- maior condutibilidade térmica;

 

- maior resistência ao choque térmico;

 

- maior capacidade de amortecimento;

 

- maior fundibilidade;

 

- melhor usinabilidade.

 

Em conseqüência, esse material é aplicado em situações em que a resistência do ferro fundido cinzento é insuficiente, mas a utilização do ferro fundido nodular é indesejável devido ás propriedades menos favoráveis de fundição. Exemplos de aplicações:

 

- placas de suporte para grandes motores diesel, cárters, caixas de engrenagens, carcaças de turbo-alimentadores, garfos de ligação, suportes de mancais, rodas dentadas, engrenagens excêntricas etc.

 

Devido à sua maior condutibilidade térmica em relação ao ferro fundido nodular, o ferro fundido de grafita compactada é preferido para peças fundidas a serem utilizadas a temperaturas elevadas e/ou sob condições de fadiga térmica. Exemplos: lingoteiras, cárters, cabeçotes, tubulações de exaustão e discos de freio.

« Voltar